segunda-feira, junho 13, 2016

Guia do proprietário de primeira viagem: Peixes Betta (O aquário)

Boa noite gente!
Em homenagem ao meu bobzinho resolvi hoje dar continuidade a este "Guia do proprietário de primeira viagem".

Primeiro de tudo, não tenha um betta em um aquário minusculo! - bom, o motivo disso é óbvio, quanto menor o aquário mais entediado/estressado o seu peixinho vai ficar ...com isso ele tem maior chance de desenvolver doenças e ter uma vida mais curta e infeliz. Fora este fator, manter um aquário pequeno dentro dos parâmetros de água satisfatórios é bem mais complicadinho do que um aquário maior.

Mas então qual o tamanho ideal? Quanto maior melhor! Mas eu diria que no minimo um aquário de 12L, assim você consegue colocar por volta de 9L de água e ainda ter espaço suficiente para o seu peixinho respirar - sim eles também respiram ar como expliquei em meu primeiro post.


Aquário do meu Bob
Bettas adoram se esconder e se sentir protegidos, portanto colocar enfeites como cavernas e plantas, ajuda com que ele se sinta mais em casa - é importante escolher plantas macias para que ele não se machuque. Outra é dica é variar o local dos objetos pelo menos uma vez por semana para que ele sempre tenha um lugar novo para explorar! 

É muito importante lembrar que eles são sensíveis ao cloro, portanto NÃO pode simplesmente pegar água da torneira e colocar no aquário, antes é preciso usar um produto para retirar o cloro (ou uma segunda opção é ferver a água por 10 minutos - deixe esfriar antes de colocar no aquário).


Este é o que eu uso!
Parâmetros importantes:
Temperatura da água: 23-28°C
pH: 7
Amônia tóxica: 0ppm
Nitrato: 0ppm
*Com exceção da temperatura que deve ser medida todos os dias (compre um termômetro especifico para aquários), os outros parâmetros devem ser avaliados pelo menos uma vez por semana.

Se você não tem um sistema de filtragem lembre-se que trocas de água são importantes!
- Aquário com menos de 4L: a cada 3 dias
- Aquário entre 4-10L: a cada 5 dias
- Aquário acima de 20 litros: uma vez por semana
*Eu particularmente gosto de trocas de 50%, mas há quem recomende 100%. Caso o seu valor de nitrato e amônia estiverem maior que 0ppm, realize uma troca de 100% e depois (se necessário) trocas diárias de 25% até normalizar.

Bom acho que por enquanto é isso!
Beijos!
Verônica Pardini, DVM Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um comentário:

  1. oi bom dia! Achei muito interessante e esclarecedor este post. Posso usar água de mina? Como medir o nível o nível de nitrato e amônia e o oppm ?

    ResponderExcluir