quinta-feira, outubro 31, 2013

Feliz dia das Bruxas

Hoje é dia de doces ou travessuras (ou dos dois haha)! Mesmo não sendo um dia muito celebrado em terras brasileiras é a minha comemoração favorita! 

Infelizmente não vai rolar nenhuma festinha este ano, vou aproveitar para passar o dia na Pet South America! Quem mais vai hoje? (aproveitem para ir hoje, porque é o ultimo dia)

Mas para não passar o dia em branco....


Beijo!
M.V. Verônica Pardini Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, outubro 29, 2013

Varíola dos elefantes (Elephant Pox)

Já falei sobre doenças de muitos animais, mas já imaginou tratar um elefante? Pois é, mesmo com todo aquele tamanho eles também são acometidos por várias doenças, inclusive a varíola (pox virus)


A varíola é uma doença viral caracterizada por inflamação de áreas na pele e mucosas, que geralmente resulta em doença sistêmica. É uma doença aguda e algumas vezes fatal.

Um surto da doença ocorreu na Índia e no Sri Lanka, e 22 surtos ocorreram em elefantes mantidos em cativeiro em zoológicos da Europa.

Estudos mostram que o vírus da varíola dos elefantes está relacionado com o vírus da varíola dos roedores.

A transmissão ocorre por contato direto com objetos contaminados e animais infectados (ratos e gatos - gatos que comeram roedores infectados).

Sim o Timóteo podia ter deixado o Dumbo doente.
Essa doença é considerada uma zoonose, mas é necessário que a pessoa tenha contato direto com o animal e um longo tempo de exposição para se infectar.

Os sinais clínicos nos elefantes variam de uma simples conjuntivite até uma doença sistêmica fatal:
  • Conjuntivite.
  • Disfagia, salivação, dificuldade de mastigação - quando há lesões na cavidade oral.
  • Lesões cutâneas de coloração cinzenta/amarelada com um ponto central hemorrágico podem ser vistas em língua, dorso, tromba, abdômen, tórax, períneo e vulva - papula --> vesícula --> pustula --> lesão ulcerativa..
  • A unha pode se tornar infectada, necrótica e mal cheirosa.
  • Aborto.

O diagnóstico é feito através de um hemograma (leucopenia, eosinopenia), exame histopatológico, cultura viral e microscopia eletrônica (presença de corpúsculos de Bollinger).
Durante necrópsias podem ser encontradas as lesões características em pericárdio, baço e fígado.

Como toda boa doença viral o tratamento destes animais é de suporte:
  • Comida macia.
  • Antibióticos para evitar infecções secundárias.
  • Se a unha se tornar infectada, botas especiais e cuidados básicos de higiene são necessários até uma nova unha crescer (meses).
Então a prevenção é o melhor remédio:
  • Controle de roedores é essencial.
  • Zoológicos na Alemanha tiveram sucesso com vacinação (MVA e Lister).
Eu sei que este tipo de situação está longe da realidade de muita gente, mas não deixa de ser interessante, não é mesmo?
M.V. Verônica Pardini

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, outubro 28, 2013

Campanha: Proteja os gatos pretos.

Eu sou completamente apaixonada pelo "Dia das Bruxas"! Todo ano decoro a minha casa com abóboras, teias de aranha, morcegos, fantasmas, bruxas... e com gatos pretos.


As lendas que associam os gatos pretos à má sorte vem de centenas de anos atrás. 
  • Na idade média acreditavam que as "bruxas" podiam se transformar em gatos - então eles eram jogados em fogueiras :( .
  • No século 16 na Itália, as pessoas acreditavam que se alguém estava doente e um gato preto deitasse na cama desta pessoa, ela morreria.
Infelizmente alguns desses mitos perduram até o século 21.
  • Tem gente que acredita que se um gato cruzar o seu caminho você terá azar.
  • Tem gente que acredita que achar um pelo branco em um gato preto trás sorte, mas se você puxar o pelo a sorte se transforma em azar.
  • Tem gente que acredita que se o gato preto anda na sua direção é sinal de sorte, mas se ele anda na direção oposta ele leva a sua sorte com ele.
Resumindo: eu poderia ficar aqui até amanhã escrevendo sobre superstições de gatos pretos. 


Mas, não preciso nem dizer que todas essas histórias são APENAS lendas, superstições e mitos, né? Os gatinhos não trazem azar e nem fazem mal para ninguém, pelo contrário são ótimos bichinhos de estimação! 


A única coisa que trás azar é a ignorância. Divulgue e proteja os gatinhos dos maus-tratos e rituais nesta época do ano!

M.V. Verônica Pardini Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, outubro 25, 2013

Testando o seu conhecimento (11)

Depois de 13 horas de plantão (sim, 13!) estou aqui com vocês... e quem não quer responder uma questão de boa numa sexta a noite? (minha vida social esta super agitada #sóquenão)

Which of these is the most important treatment for salmon poisoning?
(Qual desses é o tratamento mais importante da intoxicação por salmão?) 
  1. Praziquantel (Praziquantel).
  2. Fenbendazole (Fenbendazole)
  3. Ivermectin (Ivermectina).
  4. Oxytetracycline (Oxitetraciclina).
 
Answer (Resposta):
4. Oxytetracyline (Oxitetraciclina)
Because the signs are caused by a rickettsial organism, Neorickettsia helminthoeca, treatment is with a tetracycline-type of drug. 
 
(Os sinais são causados por uma riquétisa, Neorickettsia helminthoeca, por isso o tratamento é com uma tetraciclina).
 
Bom final de semana!
M.V. Verônica Pardini
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, outubro 24, 2013

Brincando com um ornitorrinco

Um dos meus sonhos de consumo na vida: ver um ornitorrinco de verdade - principalmente depois de assistir o vídeo abaixo:



Sério, como pode existir um animal tão estranho e tão simpático ao mesmo tempo? Mas se você quiser ver um desses ao vivo é necessário comprar uma passagem para a Austrália (me leva?) - não existem ornitorrincos em cativeiro fora da Austrália. O Bronx zoo (Nova Iorque) tentou por 3 vezes (1922, 1947 e 1958) introduzir estes animais ao seu plantel, infelizmente apenas dois conseguiram viver mais de 18 meses. 

O manejo correto e a reprodução em cativeiro desta espécie, até mesmo nos zoológicos da Austrália, ainda é motivo de muita pesquisa e estudo.

"Bora" viajar?
M.V. Verônica Pardini


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, outubro 22, 2013

Giardia em calopsitas

Hoje vou contar sobre um problema que eu tive com o meu George.

Este é o George - não é lindo?.
Ele era um filhotinho feliz e saudável, até que de uma hora para outra ele ficou letárgico, fraco e sem vontade de comer - por um momento ele ficou tão mal que eu achei que ele não fosse resistir.

Fiz um exame de fezes e descobri o que estava acontecendo: ele estava com giárdia (com MUITA giárdia).

A giárdia é um protozoário que vive no intestino dos animais e dos seres humanos. Uma vez infectado o hospedeiro libera o microrganismo no ambiente através das fezes - é um protozoário muito resistente e pode viver no ambiente por longos períodos de tempo.

Muitas vezes as calopsitas são assintomáticas, mas em um momento de estresse elas podem desenvolver os sintomas descritos abaixo:

  • Coceira intensa (pernas, face ventral das asas, dorso e peito) - podem chegar a arrancar penas.
  • Eles lambem objetos que não são comida.
  • Diarréia crônica ou aguda.
  • Depressão.
  • Letargia.
  • Anorexia.
  • Perda de peso - a calopsita não absorve os nutrientes da maneira ideal.
  • E se não tratada a ave pode morrer.
O George se coçando.
A transmissão é feita de uma ave para outra e através de um ambiente contaminado - por isso a higiene e a limpeza do ambiente é de extrema importância para o tratamento e controle desta doença.

O diagnóstico é meio chatinho de fazer, pois os protozoários (ou os seus oocisto) não são liberados o tempo todo - isso significa que pode ser necessário realizar alguns exames até achar a giárdia. É importante que as fezes estejam frescas.

Para a nossa sorte essa doença tem cura!
O tratamento consiste de:
  • Medicação antiprotozoária: metronidazol, ipronidazol, ronidazol.
  • Limpeza do ambiente diária: não deixar a ave ter contato com as fezes, mudar a vasilha de água para um bebedouro (para evitar contaminação por fezes).
**Eu usei Giardicid suspensão, e obtive bons resultados. O George está crescendo como uma calopsita normal!

Te amo baby George!!

Ah mais uma coisa importante: a giárdia que afeta as aves NÃO afeta os seres-humanos.

M.V. Verônica Pardini


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, outubro 21, 2013

O super-rato

Pode não ter aparência de super-herói, mas com certeza tem super poderes!
De quem eu estou falando? Do rato-toupeira pelado - pode rir, mas esta pequena criaturinha pode ser a chave para a descoberta da cura do câncer e o caminho para a fonte da juventude.


Esses roedores moram em uma comunidade com organização semelhante a de insetos - possuem uma rainha, que é a única a gerar filhotes. Os "operários" cavam longos tuneis subterrâneos onde essas sociedades complexas se estabelecem.

Podem andar rapidamente para frente e de ré. Possuem dentes compridos para cavar, por isso boa parte da sua boca é selada para evitar que comam terra.


É o roedor com maior longevidade - pode chegar aos 30 anos (camundongos vivem 3 anos); e quer saber a melhor parte? Eles chegam nessa idade avançada com os seus ossos fortes, com o corpo em forma e continuam se reproduzindo - pesquisadores acreditam que os seus ribossomos diferenciados ajudam nesse recorde de longevidade.


Mas a mágica aconteceu mesmo quando pesquisadores injetaram células cancerígenas de roedores e humanas nos animais. Em duas semanas, os camundongos desenvolveram a doença. E seis meses depois, os ratos pelados não apresentavam nenhum problema. As células anormais continuaram em seu corpo, mas pararam de se replicar. Quando algo dá errado, as células são seladas e ficam incapazes de reproduzirem.


Uma outra possibilidade investigada por cientistas da Universidade de Rochester é que as células destes animais param de se multiplicar bem antes que as nossas e as dos outros roedores. A equipe está tentando identificar sinais extracelulares que façam com que as células tumorais parem de se replicar, para quem sabe um dia ativar ou injetar o mesmo mecanismo em humanos.

Viu só? Não podemos julgar um livro pela capa!
M.V. Verônica 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, outubro 18, 2013

Testando o seu conhecimento (10)

Hoje é sexta feira!!! Para acabar essa semana com chave de ouro que tal acertar a perguntinha abaixo?

A 5-month old female dog presents to you for weight loss, chronic diarrhea and steatorrhea. The organism seen in a stained fecal smear is shown in the image below. Which treatment is most appropriate?
(Uma cadela de 5 meses apresenta perda de peso, diarreia crônica e esteatorréia. O organismo observado em um esfregaço de fezes corado é mostrado na imagem abaixo. Qual é o tratamento indicado?)

  1. Penicillin (Penicilina).
  2. Sulfadimethoxine (Sulfadimetoxina).
  3. Fenbendazole (Fenbedazole).
  4. Tylosin (Tilosina).
 
 
Answer (Resposta):
2. Fenbendazole (Fenbedazole).
The organism is Giardia which can be recognized as a trophozoite with two nuclei outlined by adhesive discs. Giardia should be distinguishable from trichomonads which have a single nucleus and an undulating membrane. The best treatments for Giardia are either fenbendazole or metronidazole. 
 
(O organismo é a Giardia, o qual pode ser reconhecido como um trofozoíto com dois núcleos. A Giardia deve ser diferenciada dos trichomonas, que tem um único núcleo e uma membrana ondulada. Os melhores tratamentos para Giardia é fenbendazole e metronidazol).

Boa sexta feira!
M.V. Verônica Pardini
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, outubro 16, 2013

Diretamente das profundezas do oceano

Hoje é dia de notícia!!!

Imagine estar aproveitando o dia de sol para mergulhar e de repente se deparar com um peixe (que mais parece uma serpente) gigante pertinho de você? Foi o que aconteceu com a pesquisadora do Instituto Marinho da Ilha de Catalina, Jasmine Santana, 26, neste domingo em Toyon Bay, na costa sul da Califórnia.

Ela estava mergulhando quando avistou um olho bem grande na água. Curiosa, ela nadou até o peixe para ver o que era, a pesquisadora confessa que ficou um pouco assustada no começo, mas depois de perceber que era um oarfish (e que estava morto) ela ficou tranquila. Segundo a ABC News, foram necessárias 15 pessoas para arrastá-lo para a praia.

Oarfish achado este domingo na Califórnia
 O legendário peixe das profundezas, também conhecido como regaleco ou peixe-remo, de cerca de 5,5 metros mora em águas temperadas e tropicais, em uma profundidade de mais de 900m - por isso raramente são vistos (vivos ou mortos).

Uma das poucas fotos deste animal belíssimo!!
A carcaça do giante está sendo preservada em gelo e amostras dos tecidos estão sendo coletadas para aumentar o nosso conhecimento sobre esta espécie :).

Boa noite!!
M.V. Verônica Pardini Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, outubro 15, 2013

Medicina de Aves Pet: Revisão de anatomia (Parte 5)

Finalmente chegamos ao fim da nossa revisão! Por último, mas definitivamente não menos importante, falarei sobre o sistema cardiovascular das aves!

Não há nada muito único nesse sistema.

O coração tem quatro câmaras - assim como o de mamíferos.
  • Átrio esquerdo.
  • Ventrículo esquerdo.
  • Átrio direito.
  • Ventrículo direito.

A frequência cardíaca é mais rápida do que a de mamíferos.

As doenças que acometem o coração são similares as outras espécies de animais.

Coleta de sangue:
  • O volume sanguíneo é de aproximadamente 12% do peso corporal.
  • Em uma ave saudável você pode coletar 10% do volume sanguíneo, isto é igual a 1% do peso corporal - exemplo: o papagaio pesa 400gr, você pode coletar 4ml.
  • Locais de coleta: ulnar (parte interna da asa), jugular direita e metatársica medial.
M.V. Verônica Pardini Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, outubro 14, 2013

Jogos Mortais

Devo confessar que essa semana não começou da maneira esperada, começou bem pior. Então em homenagem a minha vida pessoal um tanto quanto desastrosa resolvi mudar o post de quinta para hoje.

Afirmo novamente: a natureza é perfeita!

O ritual de acasalamento dos louva-a-deus, que decorre por volta do outono, é uma época de perigo para os machos da espécie, uma vez que a fêmea, muitas vezes, acaba por os matar e comer durante/depois do ato sexual - mas ela faz isso por um bom motivo: ela precisa de nutrientes para a fabricação dos ovos... quem pode culpa-la?.


O macho louva-a-deus é um bichinho muito persistente! Mesmo quando a fêmea começa a devorar a sua cabeça durante o ato sexual ele continua a cumprir o seu papel - sim isso é possível! O cérebro do louva-a-deus não rege todo o seu sistema motor ele serve apenas para o funcionamento do olfato e da visão. O resto dos movimentos é regido por gânglios abdominais. 


É o caso mais extremo de canibalismo do reino animal....Mas pelo menos ele morre feliz!
Uma ótima noite para vocês!

M.V. Verônica Pardini Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, outubro 10, 2013

Fofuras da semana

Amanhã é sexta! E a melhor maneira de começar a aproveitar o fim da semana é com um sorriso no rosto!



Já viu um bebê urso polar aprendendo a andar com as quatro patas? Se prepare para um segundo ataque de fofura.



Boa noite e bons sonhos!
M.V. Verônica Pardini Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, outubro 09, 2013

Testando o seu conhecimento (9)

Esse friozinho dá uma preguiça né? Por mim eu ficava hibernando o dia inteiro....mas como infelizmente isso não é possível vamos para a questão da semana!

A client brings the one-half inch grub shown in the image to you one spring day, telling you it emerged from a hole in the back of one of his prize show cattle. He wants to know what to treat his cattle with and when.
 (Em um dia de primavera, um cliente trás uma larva de 3cm e diz que ela saiu de um buraco nas costas da sua vaca de show. Ele quer saber com qual medicamento e quando tratar a sua vaca).

     
  1. Thiabendazole in early fall (Tiabendazol no começo do outono).
  2. Ivermectin in early fall (Ivermectina no começo do outono).
  3. Moxidectin now, in spring (Moxidectina agora, na primavera).
  4. Ivermectin in February (Invermectina em fevereiro).
  5. Orgonophosphates in summer (Organofosforados no verão).



Answer (Resposta):
2. Ivermectin in early fall (Ivermectina no começo do outono)
This is a cattle warble called Hypoderma. The 2 species are H. bovis and H. lineatum. They undergo a long migration in tissues and only emerge from the back of the animal in spring. The crucial treatment time is early fall when larvae are just beginning to migrate in tissues. Organophosphates or one of the macrocyclic lactones (ivermectin, doramectin, eprinomectin or moxidectin) are effective.

(Essa é uma larva chamada Hypoderma. As duas espécies são H. bovis e H. lineatum. Elas migram por vários tecidos e só emergem pela pelas costas do animal na primavera. O tratamento crucial deve ser realizado no começo na migração das larvas, isto é, no começo do outono. Organofosforados e lactonas macrocíclicas são eficazes).

Acertaram?
M.V. Verônica Pardini
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, outubro 08, 2013

Anatomia dental de coelhos

A pedidos de um leitor do blog hoje vou falar sobre a anatomia dental dos coelhos!

Dentes saudáveis são de extrema importância para o bem estar do seu animal! Então leia o post para entender melhor como funciona a boca do seu coelhinho!

Coelhos tem dentição difiodonte - isso quer dizer que eles tem dentes decíduos ("de leite") que depois são substituídos por dentes permanentes.

TODOS os dentes permanentes são elodontes - os dentes continuam crescendo "para sempre".

A fórmula dental dos coelhos é: I 2⁄1:C0⁄0:P3⁄2:M3⁄3 = 28 - coelhos não tem caninos.

A: Face oclusal da maxila   B: Face oclusal da mandíbula
Anatomia radiográfica lateral normal da mandíbula de um coelho.
A presença de incisores maxilares secundários (em inglês chamados de "peg teeth") atrás dos incisores primários é comum em lagomorfos.

Consegue ver os incisores secundários? Estão logo atrás dos incisores primários maxilares.
Os incisores primários são longos e levemente curvados. Crescem em média 2-2,4 mm/semana - por isso é importante ficar de olho nos dentes do seu coelhinho, se os dentes crescem exageradamente é necessário levar em um veterinário para eles serem aparados (não se esqueça que os pré-molares e molares também crescem continuamente e precisam ser avaliados).

Caso extremo: Nunca deixe o seu coelho chegar a este ponto!
O esmalte dos incisores não é distribuído homogeneamente ao redor do dente - o esmalte é mais grosso no aspecto facial do dente e mais fino na face lingual.

Anatomia normal de um incisor
Espero ter ajudado!
M.V. Verônica Pardini Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, outubro 07, 2013

Inseto-assassino

Você tem medo de aranhas? Sim? Então você provavelmente vai gostar do post de hoje.

Este é um percevejo-assassino. 

Percevejo-assassino x Vespas
O percevejo-assassino sabe enganar as aranhas. Sabe como? Ele imita um inseto indefeso preso na teia e quando a aranha se aproxima.... ele ataca!

A aranha morre em 10 segundos
Esse predador impiedoso perfura a sua vitima com a boca (que parece um canudo afiado) e injeta uma enzima que amolece os órgãos da presa para que ele consiga sugar as suas vísceras - ele faz uma digestão extra-oral.....ecaaaa! 

Mas isso não é tudo! Depois de tomar até a ultima gota ele pega o exoesqueleto da sua vitima (aranha, formiga) e gruda nas suas costas - fazendo uma "armadura de mortos"..... ecaaaaa de novo!


Onde podemos encontrar essas criaturas? Temos espécies aqui em São Paulo, em Minas, no Havaí, na Malásia... - sim eles estão em todos os lugares!
 
E só para eles se tornarem mais simpáticos eles podem transmitir a Doença de Chagas.


Curtiu?
M.V. Verônica Pardini Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, outubro 03, 2013

De sussurro em sussurro

Cada vez mais me impressiono com as semelhanças entre seres-humanos e animais.

Uma família de saguis-cabeça-de-algodão (Sanguinus oedipus) no Zoológico do Central Park, em Nova Iorque, foi vista sussurando. Calma, vou explicar melhor...

Esses animais são os primeiros primatas não-humanos observados realizando este comportamento (Rachel Morrison e Diana Reiss publicaram sua descoberta  na edição de setembro da Zoo Biology).


Os pesquisadores do Hunter College, tinham a intenção de investigar esses animais praticando o  "mobbing" (parece o nome de um tipo de dança né? Mas na realidade é quando um grupo de animais percebe que há uma "ameaça" por perto e começam a vocalizar alto).

Os estudiosos esperavam que os saguis praticassem o "mobbing" contra um supervisor (humano) que eles não gostavam muito.


Mas ao contrário do esperado, os animais mostraram um comportamento temeroso (chegavam perto do supervisor e depois fugiam), e nenhuma vocalização foi observada naquele momento.

Apenas após os pesquisadores ouvirem o áudio gravado durante o experimento, foi que eles perceberam que os animais estavam "sussurrando" (vocalização de baixa amplitude) na presença do supervisor. Sugerindo que primatas usam sussurros para se comunicar.


Todo dia é uma descoberta nova, nos aproximando cada vez mais daqueles que são considerados "irracionais".... Nos faz parar para pensar, não é mesmo?

Beijos uma ótima noite para vocês!
M.V. Verônica Pardini
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, outubro 02, 2013

Testando o seu conhecimento (8)

Nossa está ficando pesado estudar para o NAVLE, trabalhar e ser mãe de uma calopsita. Sabe o que me anima? É que esta maratona está acabando (minha prova é mês que vem)! Então tenho que renovar minhas energias para esta reta final!

Mas vamos para a questão da semana?

What is the most common site of the bone for primary osteosarcoma to occur in dogs?
(Qual região do osso é mais comumente afetada pelo osteossarcoma primário em cachorros?)

  1. Cortex (Córtex)
  2. Diaphysis (Diáfise). 
  3. Metaphysis (Metáfise)
  4. Epiphysis (Epífise).


Answer (Resposta):

3. Metaphysis (Metáfise).
Osteosarcoma usually occurs at the metaphysis, probably because most cell division occurs there. This is in contrast to metastatic bone tumors which usually occur in the diaphysis, likely because the blood supply comes in there. 

(Osteossarcoma geralmente atinge a metáfise, provavelmente porque a maior parte da divisão celular ocorre nesta área. Em contraste, metástases nos ossos atingem a diáfise, pois é o local de maior vascularização).

Acertaram?
M.V. Verônica Pardini Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, outubro 01, 2013

Medicina de Aves Pet: Revisão de anatomia (Parte 4)

Agora está quase acabando! Hoje é a penúltima parte da nossa revisão (eba)!
Já falamos das características gerais das aves, do sistema respiratório, do sistema reprodutivo e do sistema gastrointestinal.

O tema agora é o sistema renal (o meu favorito):

As aves têm dois rins, cada rim tem três segmentos (cranial, medial e caudal).
  • Os rins têm dois tipos de néfrons:
    • Néfron "primitivo": 
      • 80-90% de todos os néfrons.
      • Não possui alças de Henle = não consegue concentrar urina.
    • Néfron "mamífero":
      • 10-20% de todos os néfrons.
      • Possui alças de Henle.

Elas NÃO tem bexiga (portanto não conseguem armazenar urina) - isso faz com que elas continuem leves o suficiente para voar.

Eliminam urato (ou ácido úrico).
  • Resultado do metabolismo de proteínas.
  • Produzido no fígado.
  • Excreta sólido.
Eliminam urina.
  • Excesso de água.
  • Mais proeminente em aves que ingerem maior quantidade de frutas.
  • Parte líquida dos excretas.

Essa parte foi tranquila né?
Boa terça-feira!
M.V. Verônica Pardini Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...