sexta-feira, setembro 06, 2013

Guia do proprietário de primeira viagem: Teiú (Recinto)

Depois de duas semanas sem escrever sobre os nossos queridos Teiús, volto hoje para dar dicas sobre como deve ser a "casinha" deles.

Animais adultos precisam de um espaço com no mínimo 180cm x 90cm x 60cm - lembre-se que tem que ser aprova de fugas!

 
Coloque um local onde o animal possa se esconder. Manter o esconderijo levemente úmido irá ajudar com a troca de pele (ecdise) - o ideal são dois esconderijos, um que tenha a temperatura máxima (43°C) e outro com a temperatura mínima (28°).


Esses répteis precisam de exposição aos raios UVA e UVB (se o animal fica dentro de casa use lâmpadas próprias). Mesmo sendo verdade que teiús conseguem suportar temperaturas mais frias, para manter a sua boa saúde e digestão, a temperatura ideal durante o dia é entre 27-30°C (importante ter um local dentro da gaiola onde a temperatura fique entre 38-43°C). Temperaturas mais baixas durante a noite não causam problema.


Teiús gostam de cavar, e precisam de um substrato que absorva as sujeiras e seja fácil de limpar (ex: casca de pinus) - carpete e folhas de papel não são os substratos ideais, uma vez que não são bons para cavar.

E só para acabar o post com uma foto engraçadinha, aqui vai um teiú em uma coleira:


Uma ótima sexta-feira para todos!
M.V. Verônica Pardini
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário