segunda-feira, fevereiro 25, 2013

O Canguru africano que não é um Canguru!

Veterinária do Zoológico: "Estamos indo ver o Peeps!"
Eu: "O que é um Peeps?"
Veterinária do Zoológico: "É um Springhass.... o animal mais bonitinho que você já viu!"

Ela não estava mentindo! Foi assim que começou a minha paixão por essas adoráveis, as vezes temperamentais, criaturas.

Este é o Peeps, Minha pequena paixão! (Fonte: Arquivo Pessoal)

O Springhass, ou em português a lebre-saltadora (Pedetes capensis) até parece um pequeno canguru com suas longas pernas e sua locomoção por meio de saltos, mas na verdade ela é pertencente a família Rodentia, assim como os esquilos, pacas e castores.



Informações:
  • Habitam o continente Africano (África do Sul, Zaire e Kenya).
  • Eles habitam locais onde o solo é de areia ou mais seco. Podem também ser encontrados em locais de criação de gado e plantações de aveia e trigo.
  • Eles cavam buracos para morar.
  • Pelagem fina e macia, sem uma segunda camada de pêlo.
  • Seus ouvidos são protegidos para evitar que areia entre enquanto eles cavam.
  • São pequenos animais que pesam entre 4-5kgs.
  • Vivem aproximadamente 15 anos.
  • São noturos, mas eventualmente podem ser ativos durante o dia.
  • São herbívoros, mas ás vezes podem comer insetos.
  • São solitários na natureza, mas convivem bem com outras lebres em cativeiro.
  • São caçados na África como alimento.
  • Seu status na IUCN é de "Vulnerável" - sua população diminuiu mais de 20% nos últimos 10 anos (caça e perda de habitat).
Estes roedores em cativeiro vivem pacificamente com outras espécies no mesmo recinto, um exemplo são os armadillos!


São de manejo relativamente fácil, e geralmente são dóceis..... mas se uma lebre-saltadora não gostar de você ela pode te morder!

No meu caso ser amiga do Peeps foi uma tarefa fácil a partir do momento que eu descobri que ele é apaixonado por amendoins!
Ele teve sua cauda amputada após um ferimento, portanto tinhamos que fazer bandagens diárias, e com poucos amendoins durante o procedimento ele ficava tranquilo e feliz :)

Troca da bandagem (Fonte: Arquivo Pessoal)


E vocês têm algum animal favorito ou uma história para contar? Escreva para drapardini@gmail.com e a sua história pode fazer parte do blog!

M.V. Verônica Pardini Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário